Wildcard SSL Certificates

Tupinambás
137 registros
  Registros (137)Pessoas Cidades Temas






Você sabia?Brasilbook.com.br
01/01/1657 (Há 367 anos)
..........

Passa despercebido aos historiadores que os primeiros mapas a registrarem Sorocaba nomeiam o principal rio da cidade como Atibajiba. Importante lembrar o que dizem os historiadores Ruy Diaz de Guzman (1559-1629), Luís Castanho de Almeida (1904-1981) e a Revista do Instituto Histórico, Geográphico e Etnográphico Brasileiro (1863), respectivamente: "foi nas proximidades deste rio que o Apóstolo Thomé passou", "o Caminho de São Thomé passava por Sorocaba" e "A vinda do Apóstolo São Thomé á estas partes da América, está baseada em tais fundamentos, que d´ela não se pode duvidar".






Você sabia?Brasilbook.com.br
01/01/1615 (Há 409 anos)
..........

Os indígenas desenvolveram os seus próprios conhecimentos astronômicos. Um registro a respeito disso, datado do século 17, a dupla de capuchinhos franceses Claude d’Abbeville e Yves d’Évreux descreveu o povo Tupinambá do Maranhão. Eles sabiam a maioria dos corpos celestes do hemisfério e possuíam o próprio sistema de constelações. Com isso, era possível organizar calendários para marcar as estações chuvosas e as épocas de colheita. Os Tupinambá do Maranhão também já associavam as fases da Lua com as subidas e descidas das marés.




Você sabia?Brasilbook.com.br
01/01/1616 (Há 408 anos)
..........

O belíssimo mapa "Brasilia", produzido em 1616 por Petrus Bertius (1565-1629), é o segundo encontrado (até o momento) em que Sorocaba aparece, ainda sob o nome de São Filipe. Entre as curiosidades desta obra está a ausência de São Paulo de Piratininga.






Você sabia?Brasilbook.com.br
01/01/1975 (Há 49 anos)
..........

Em meados de 1975 o bairro Jardim Tupinambá era "Lopes de Oliveira". Absurdo histórico! Estas imediações era habitat da grande e importante tribo dos carijós. Pobres criaturas, os primeiros e em povoação tão grande, os escravizados de pele mais clara, é que foram os fundadores humildes de Sorocaba, ficando nas fazendas da redondeza, socando as primeiras taipas, aumentando a população entre si e, aqui também, servindo a sensualidade de brancos e mamelucos.






Você sabia?Brasilbook.com.br
..........

“Os nossos tupinambás muito se admiram dos franceses e outros estrangeiros se darem ao trabalho de ir buscar o seu arabutan [pau-brasil]. Uma vez um velho perguntou-me: Por que vindes vós outros, maírs e perôs (franceses e portugueses) buscar lenha de tão longe para vos aquecer? Não tendes madeira em vossa terra ? Respondi que tínhamos muita mas não daquela qualidade, e que não a queimávamos, como ele o supunha, mas dela extraíamos tinta para tingir, tal qual o faziam eles com os seus cordões de algodão e suas plumas. Retrucou o velho imediatamente: e porventura precisais de muito? Sim, respondi-lhe, pois no nosso país existem negociantes que possuem mais panos, facas, tesouras, espelhos e outras mercadorias do que podeis imaginar e um só deles compra todo o pau-brasil com que muitos navios voltam carregados. — Ah! retrucou o selvagem, tu me contas maravilhas, acrescentando depois de bem compreender o que eu lhe dissera: mas esse homem tão rico de que me falas não morre? — Sim, disse eu, morre como os outros. Mas os selvagens são grandes discursadores e costumam ir em qualquer assunto até o fim, por isso perguntou-me de novo: e quando morrem para quem fica o que deixam? — Para seus filhos se os têm, respondi; na falta destes para os irmãos ou parentes mais próximos. — Na verdade, continuou o velho, que, como vereis, não era nenhum tolo, agora vejo que vós outros maírs sois grandes loucos, pois atravessais o mar e sofreis grandes incômodos, como dizeis quando aqui chegais, e trabalhais tanto para amontoar riquezas para vossos filhos ou para aqueles que vos sobrevivem! Não será a terra que vos nutriu suficiente para alimentá-los também ? Temos pais, mães e filhos a quem amamos; mas estamos certos de que depois da nossa morte a terra que nos nutriu também os nutrirá, por isso descansamos sem maiores cuidados.




Procurar



Hoje na História


Brasilbook.com.br
Desde 27/08/2017
28375 registros (15,54% da meta)
2243 personagens
1070 temas
640 cidades

Agradecemos as duvidas, criticas e sugestoes
Contato: (15) 99706.2000 Sorocaba/SP