Esclarecimentos sobre a Casa dos Padres
Sexta-feira, 1 de Janeiro de 2021
Última atualização: 07/04/2021 03:49:45



Semanas atrás publicamos uma matéria da jornalista Sabrina Souza, sobre o Chácara dos Padres, ou Casarão dos Padres. Um dos proprietários da área foi Zezo Miguel, ilustre comerciante sorocabano.

Dias atrás, entrou em contato conosco uma pessoa com ligação direta com o Sr. Zézo. Ela nos esclareceu pontos importantes. Segue o conteúdo da mensagem:Sou Adélia Miguel, sobrinha do Zézo Miguel, e na ausência de seus dois filhos já falecidos preciso esclarecer alguns pontos.

- O patriarca da família Sacker era meu avô José Miguel Sacker pai de dez filhos sendo o meu pai o primogênito e meu tio Zézo, o caçula (falecido em 1971)

- Tio Zézo comprou a Chácara dos Padres e não fez nenhuma reforma no imóvel nem sequer uma piscina, uma igreja no porão ou adega. Jamais!

A área seria destinada à um condomínio horizontal que foi loteada pelo meu primo José Vítor (ja falecido) muitos anos após a morte do meu tio. Meses após a morte do José Vitor faleceu sua irmã Maria Helena, que morava em Araraquara.

- Maria Helena filha do tio Zézo não se casou la´ principalmente porque não existia essa casa habitável que foi citada na matéria. Era somente um casarão antigo que seria destinado à demolição onde foi instalado o Condomínio Bosque de São Bento muitos anos após a morte do meu tio.

- Tio Zézo só tinha esse casal de filhos.

- Tio Zézo nunca morou na Chácara dos Padres; por ocasião do seu falecimento ele morava em um sobrado na Rua XV de Novembro.

- Os sogros do meu tio nunca moraram naquele local exatamente porque já eram falecidos.

- Nunca teve uma empregada doméstica do meu tio Zézo morando na Chácara dos Padres.- A senhora Vera Lúcia não conta verdades a respeito da família do meu tio talvez pelo fato de querer fazer parte da sua história.

- Os herdeiros do tio Zézo eram a filha Maria Helena que se mudou para Araraquara depois de se casar e o filho José Vitor que administrava os bens herdados e nunca teve “negócios que não deram certo” haja visto que assumiu os negócios do pai aos 17 anos e administrou muito bem, sempre assessorado pelo meu pai que era seu tio mais velho.

Ele ia todos os dias no escritório do meu pai e nunca se deixou enganar pelos falsos amigos que pretendiam tirar proveito da situacção pela pouca idade que tinha.

- Nunca teve essa estátua de santo na propriedade e então não foi removida porque não existia.

- Não teve essa “passagem da família Sacker” por lá. Meu tio comprou a propriedade e após a sua morte o filho dele implantou o loteamento residencial horizontal.

- Jamais a área foi de propriedade de empresa de “terraplanagem e incorporações” nem houve a intenção de um “projeto de construção de prédios”.

- A área do entorno foi vendida pelo José Vitor para o grupo que administra o Shopping Esplanada.

Infelizmente meus primos muito queridos não estão vivos para contar a realidade dos fatos mas eu, como prima mais velha acompanhei toda a luta deles para superar a morte do pai e administrar a herança com tão pouca idade que tinham.

Sou Adélia Miguel sobrinha do Zézo Miguel e na ausência de seus dois filhos já falecidos preciso esclarecer alguns pontos.
Galerias de imagens
“Casa dos Padres”
4 imagens
Rua XV de Novembro
197 imagens

testeselect * from materias where id = 161
1 de Janeiro de 1980
Chacará dos Padres
18 de Dezembro de 2020
Onde Foram Parar os TRENS do Brasil? Por Que o Brasil não tem Trens?
1 de Janeiro de 2021
Esclarecimentos sobre a Casa dos Padres
1 de Janeiro de 1900
A ESTRADA DOS PROTESTANTES E OS PRIMEIROS PRESBITERIANOS EM VOTORANTIM
1 de Janeiro de 1900
Praça 9 de Julho, Largo de Pito Aceso e outras histórias


Novas imagensExibir por anoGalerias de imagensArtigos MatériasTemas
Hoje na HistóriaProcurar no siteCidadesReceber atualizaçõesBiografias por categoria
Página no FacebookAutores Biografias<


BRASILBOOK - http://www.brasilbook.com.br
Agradecemos as duvidas, criticas e sugestoes
Compilado por Adriano Cesar Koboyama
Colaboradores:
Simone Garcia
João Libero
Amora G. Mendes, Matheus Carmine