O que Maylasky, Professor Toledo e o Viaduto do Chá tem em comum?
Autor: Sandro Aranha
Quinta-feira, 10 de Dezembro de 2020
Última atualização: 15/01/2021 04:06:01



Jules Vitor André Martin nasceu em 26 de fevereiro de 1832, em Montiers na França. Em 1852, vai a Paris, e trabalha por três anos no ateliê de George Schlater.

Posteriormente, em 1868, chega ao Brasil junto com sua mulher e os três filhos, instalando-se no estado de São Paulo, na cidade de Sorocaba a convite de seu irmão Pierre. Além de sócio do livreiro André Luís Garraux, Pierre também era proprietário de uma fábrica de beneficiamento de algodão junto com o professor Francisco de Paula Xavier de Toledo, onde Jules trabalhou durante algum tempo.

No ano seguinte, decide se mudar para a capital com o intuito de atuar profissionalmente no campo das artes, e acaba conseguindo expor algumas de suas pinturas no Estúdio de Carneiro & Gaspar e nas Casas Garraux.

Em 1871, monta uma das primeiras casas litográficas de São Paulo, e no ano seguinte vem a pedido de Maylasky, amigo dos tempos que morou em Sorocaba, de volta a cidade para embaixo de um guarda-sol de linho branco e sobre seu tabuleiro pintar essa cena grandiosa:

A inauguração da Estrada de Ferro Sorocabana em 13 de junho, próximo ao Supiriri, no local aonde seria futuramente a Fábrica Nossa Senhora da Ponte.

D. Pedro II depois de conhecer nossa estrada de ferro em agosto 1875, fez também uma visita à litografia de Jules, que a partir desse momento se chamaria Imperial Litografia.

Fez mapas para as cidades de São Paulo e Santos e demais momentos importantes em outras cidades. Fez o projeto arquitetônico para o primeiro viaduto de São Paulo: o Viaduto do Chá. Também foi ele que fez a primeira pintura da Avenida Paulista durante a sua inauguração no dia 8 de dezembro de 1891.

Em 1888, desta vez no campo das artes plásticas, participou do projeto da estátua de José Bonifácio, o Moço, que está localizada na entrada do prédio principal da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, no Largo de São Francisco.

Segundo Aluísio de Almeida, Martin também foi o introdutor do motor a gás no Estado de São Paulo. Jules Martin faleceu em São Paulo, em 18 de setembro de 1906.

Temas relacionados
Luiz Matheus Maylasky
1838 - 1906
Estrada de Ferro Sorocabana (E.F.S.)
Ferrovias brasileiras
Francisco de Paula Xavier de Toledo
Professor Toledo
1825 - 1903
Sorocabanos Históricos
73
1092
80
83
BiografiasRegistrosCidadesTemas

Mais ricos do Brasil
24
364
36
54
BiografiasRegistrosCidadesTemas

Maçons brasileiros
76
1413
110
81
BiografiasRegistrosCidadesTemas

Professore(a)s
6
56
12
34
BiografiasRegistrosCidadesTemas


testeselect * from materias where id = 30
1 de Janeiro de 1980
Chacará dos Padres
18 de Dezembro de 2020
Onde Foram Parar os TRENS do Brasil? Por Que o Brasil não tem Trens?
1 de Janeiro de 2021
Esclarecimentos sobre a Casa dos Padres
1 de Janeiro de 1900
A ESTRADA DOS PROTESTANTES E OS PRIMEIROS PRESBITERIANOS EM VOTORANTIM
1 de Janeiro de 1900
Praça 9 de Julho, Largo de Pito Aceso e outras histórias
18 de Fevereiro de 1981
Sobre o rompimento do "tancão" da vila Barão/Nova Esperança
10 de Fevereiro de 2021
O mistério da Casa dos Padres, que assombrou gerações em Sorocaba e Votorantim
12 de Agosto de 2017
Documentário mostra "descoberta" de um marco oculto de Sorocaba


Novas imagensExibir por anoGalerias de imagensArtigos MatériasTemas
Hoje na HistóriaProcurar no siteCidadesReceber atualizaçõesBiografias por categoria
Página no FacebookAutores Biografias<


BRASILBOOK - http://www.brasilbook.com.br
Agradecemos as duvidas, criticas e sugestoes
Compilado por Adriano Cesar Koboyama
Colaboradores:
Simone Garcia
João Libero
Amora G. Mendes, Matheus Carmine