O que Maylasky, Professor Toledo e o Viaduto do Chá tem em comum?
Autor: Sandro Aranha
Quinta-feira, 10 de Dezembro de 2020
Última atualização: 15/01/2021 04:06:01



Jules Vitor André Martin nasceu em 26 de fevereiro de 1832, em Montiers na França. Em 1852, vai a Paris, e trabalha por três anos no ateliê de George Schlater.

Posteriormente, em 1868, chega ao Brasil junto com sua mulher e os três filhos, instalando-se no estado de São Paulo, na cidade de Sorocaba a convite de seu irmão Pierre. Além de sócio do livreiro André Luís Garraux, Pierre também era proprietário de uma fábrica de beneficiamento de algodão junto com o professor Francisco de Paula Xavier de Toledo, onde Jules trabalhou durante algum tempo.

No ano seguinte, decide se mudar para a capital com o intuito de atuar profissionalmente no campo das artes, e acaba conseguindo expor algumas de suas pinturas no Estúdio de Carneiro & Gaspar e nas Casas Garraux.

Em 1871, monta uma das primeiras casas litográficas de São Paulo, e no ano seguinte vem a pedido de Maylasky, amigo dos tempos que morou em Sorocaba, de volta a cidade para embaixo de um guarda-sol de linho branco e sobre seu tabuleiro pintar essa cena grandiosa:

A inauguração da Estrada de Ferro Sorocabana em 13 de junho, próximo ao Supiriri, no local aonde seria futuramente a Fábrica Nossa Senhora da Ponte.

D. Pedro II depois de conhecer nossa estrada de ferro em agosto 1875, fez também uma visita à litografia de Jules, que a partir desse momento se chamaria Imperial Litografia.

Fez mapas para as cidades de São Paulo e Santos e demais momentos importantes em outras cidades. Fez o projeto arquitetônico para o primeiro viaduto de São Paulo: o Viaduto do Chá. Também foi ele que fez a primeira pintura da Avenida Paulista durante a sua inauguração no dia 8 de dezembro de 1891.

Em 1888, desta vez no campo das artes plásticas, participou do projeto da estátua de José Bonifácio, o Moço, que está localizada na entrada do prédio principal da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, no Largo de São Francisco.

Segundo Aluísio de Almeida, Martin também foi o introdutor do motor a gás no Estado de São Paulo. Jules Martin faleceu em São Paulo, em 18 de setembro de 1906.

Temas relacionados
Luiz Matheus Maylasky
1838 - 1906
Estrada de Ferro Sorocabana (E.F.S.)
Ferrovias brasileiras
Francisco de Paula Xavier de Toledo
Professor Toledo
1825 - 1903
Sorocabanos Históricos
73
1092
80
83
BiografiasRegistrosCidadesTemas

Mais ricos do Brasil
24
364
36
54
BiografiasRegistrosCidadesTemas

Maçons brasileiros
76
1413
110
81
BiografiasRegistrosCidadesTemas

Professore(a)s
6
56
12
34
BiografiasRegistrosCidadesTemas


testeselect * from materias where id = 30
1 de Janeiro de 2002
Os soldados brasileiros de Hitler: centenas lutaram ao lado dos nazistas
4 de Abril de 1977
A estranha cronologia do caso "Celso Daniel"
1 de Dezembro de 2020
Cinco maiores roubos da história do Brasil e do mundo
7 de Maio de 1915
Frederick Stark: Engenheiro, especialista em represas e bondes foi morto num ataque alemão
5 de Maio de 1852
"Amante não tem lar; Amante nunca vai casar"
1 de Janeiro de 1980
Chacará dos Padres
18 de Dezembro de 2020
Onde Foram Parar os TRENS do Brasil? Por Que o Brasil não tem Trens?
1 de Janeiro de 2021
Esclarecimentos sobre a Casa dos Padres
1 de Janeiro de 1900
A ESTRADA DOS PROTESTANTES E OS PRIMEIROS PRESBITERIANOS EM VOTORANTIM
1 de Janeiro de 1900
Praça 9 de Julho, Largo de Pito Aceso e outras histórias


Novas imagensExibir por anoGalerias de imagensArtigos MatériasTemas
Hoje na HistóriaProcurar no siteCidadesReceber atualizaçõesBiografias por categoria
Página no FacebookAutores Biografias<


BRASILBOOK - http://www.brasilbook.com.br
Agradecemos as duvidas, criticas e sugestoes
Compilado por Adriano Cesar Koboyama
Colaboradores:
Simone Garcia
João Libero
Amora G. Mendes, Matheus Carmine