Wildcard SSL Certificates
1550
1551
1552
1553
1554
1555
1556
1557
1558
Registros (42)




NAO DSSS!!!



Tibiriçá garantiu a segurança dos padres Manuel da Nóbrega e Anchieta quando voltaram à colina de Piratininga
24 de janeiro de 155404/04/2024 06:16:48

“Peabiru” de Hernâni Donato do IHGSP
Data: 01/10/1971
Página 12

Parece que a antiga aldeia de Ururay, de 1531, fôra fracionada em duas, logo que João Ramalho edificou a vila de Santo André e que os padres da Companhia de Jesus, fazendo demolir esta, fundaram a de São Paulo, 1554-1560; pois o título da sesmaria de 12 de outubro de 1580 os pressupõe já estabelecidos nos dois lugares, Pinheiros e São Miguel. E tanto mais provável é isso, quanto é sabido o costume dos nativos de não manterem suas aldeias muitos anos no mesmo lugar. [“Algumas notas genealógicas: livro de família: Portugal, Hespanha, Flandres-Brabante, Brazil, São Paulo-Maranhão: séculos XVI-XIX”, 1886. João Mendes de Almeida. Página 330]

Em 1554, acompanhou Manuel da Nóbrega e Anchieta na obra da fundação de São Paulo e estabeleceu-se no local onde hoje se encontra o Mosteiro de São Bento, espalhando seus índios pelas imediações. A atual rua de São Bento era, por esse motivo, chamada, primitivamente, Martim Afonso (nome em que fora batizado o cacique). No seguimento da sua ação missionária, participou da fundação, no planalto de Piratininga, do Colégio de São Paulo, um colégio de jesuítas do qual foi regente, embrião da cidade de São Paulo, junto com outros padres da Companhia, em 25 de janeiro de 1554, recebendo este nome por ser a data em que se comemora a conversão do Apóstolo São Paulo. Esta povoação contava, no primeiro ano da sua existência com 130 pessoas, das quais 36 haviam recebido o batismo.[1]

Em S. Paulo, viveu de negócios e como agricultor, na posse de várias sortes de terras. Esteve em entradas do sertão e ajudou com seus administrados ao Padre José de Anchieta na abertura do caminho de S. Pauloa Santos. Antes do final do século, descobriu com o filho Afonso Sardinha, o moço, diversas minas em São Paulo (RGCSP, I, 123/125).[2]

O antigo acordo de Martim Affonso de Sousa com os tupis, de que os portugueses não subiriam para o planalto, facilitou o estabelecimento pacífico das povoações de São Vicente, Santos e Itanhaém. Mas em 1554, os portugueses romperam o acordo com Piqueroby, subiram a Serra do Mar, e fundaram a vila de São Paulo. [2]

E pode-se dizer que o grande ciclo luso-paulista se inicia com a abertura de uma nova picada na Serra do Mar, entre São Vicente e o planalto, na qual já trabalha também o destemido Affonso Sardinha, a colaborar com os jesuíta: é o Caminho de Anchieta.

Instalados na Piratininga, por ordem do padre Manoel da Nóbrega, os jesuítas recebem um apoio de grande relevância: o suporte de Affonso Sardinha, que o dá a outras congregações vaticanas, numa espécie de "mão aberta" incomum, mas que é para ele mesmo de grande valia logística no sonho de chegar às minas dos metais preciosos que tanto escuta nos falares dos nativos.

Assim, a expansão jesuítica na Capitania de São Vicente é feita a par da expansão dos negócios da Família Sardinha, principalmente a de mineração em sociedade com Clemente Álvares, pois, no final do século XVI, Affonso já põe o filho mameluco, dito o Moço, a representá-lo em algumas empreitadas e o acompanha - aliás, a quem repassa a arte da mineração contrariando os seus pares da Câmara municipal paulistana, que haviam determinado que os colonos não poderiam ensinar aos mamelucos (filhos de brancos com nativas) as artes de fabricar peças metálicas, para que essa não chegassem às mãos dos escravizados... [História de Carapicuíba, 25.03.2013. João Barcellos. Página 12]
Tibiriçá garantiu a segurança dos padres Manuel da Nóbrega e Anchieta quando voltaram à colina de Piratininga

Relacionamentos
-
Pessoas (5)
Afonso Sardinha, o Velho (1535-1616)
19 anos de idade / 376 registros
José de Anchieta (1534-1597)
20 anos de idade / 285 registros
Manuel da Nóbrega (1517-1570)
146 registros
Piqueroby (1480-1552)
65 registros
Martim Afonso de Melo Tibiriçá (1470-1562)
95 registros
-
Cidades (4)
Santos/SP
679 registros
São Paulo/SP
3548 registros
sem imagemSão Vicente/SP
581 registros
Sorocaba/SP
11000 registros
-
Temas (10)
Bandeirantes
716 registros
Beneditinos
78 registros
Caminho do Peabiru
437 registros
Caminho São Paulo-Santos
50 registros
Guaianase de Piratininga
72 registros
Jesuítas
482 registros
Mosteiro de São Bento SP
86 registros
São Paulo de Piratininga
138 registros
Ururay
52 registros
Vila de Santo André da Borda
95 registros
Boletim do Grande Oriente do Brasil, jornal oficial da maçonaria brasileira
Data: 01/12/1896
Página 578


Você sabia?Brasilbook.com.br
1620 (Há 404 anos)
..........

Em São Paulo, rico era quem tinha talheres – só dez famílias possuíam – e camas. Isso mesmo: camas. Em 1620, um representante do rei de Portugal em visita à cidade simplesmente não tinha onde dormir. A solução foi confiscar a única cama decente da cidade, que pertencia a um cidadão chamado Gonçalo Pires.




Abraham Lincoln (1809-1865)
Brasilbook.com.br
..........

Sinceramente esperamos, fervorosamente rezamos, para que este poderoso flagelo da guerra possa finalmente acabar. Mas se Deus quiser que ela continue até que toda a riqueza pilhada pelos escravos, 250 anos de labuta não retribuída afunde e até que cada gota de sangue derramada pelo chicote deva ser paga por outro golpe de espada, como foi dito três mil anos atrás e ainda precisa ser dito o julgamentos do senhor são justos e verdadeiros completamente.




Procurar



Hoje na História


Brasilbook.com.br
Desde 27/08/2017
28375 registros (15,54% da meta)
2243 personagens
1070 temas
640 cidades

Agradecemos as duvidas, criticas e sugestoes
Contato: (15) 99706.2000 Sorocaba/SP