Wildcard SSL Certificates
1927
1928
1929
1930
1931
1932
1933
1934
1935
Registros (66)PessoasCidadesTemas




NAO DSSS!!!



Morte do mártir José Santo Rei
14 de agosto de 193104/04/2024 19:18:02

Festa no Bairro Aparecidinha
Data: 01/01/1931
Créditos: Nicolau Alonso Martins / Revista O Cruzeiro
Foto colorida digitalmente (va-1930) (mf)

Segundo o relato de Silvia Pitcher, sua avó conheceu a família do menino José de Paula Neto. Era lindo, loiro, cheiro de vida e sonhos. Ele adorava passarinhos e o funcionário mal intencionado o convidou para caçar, lá pelos lados do antigo Morro Pelado.

O garoto estava indo para escola quando o assassino o interceptou no caminho e o convenceu a ir caças passarinho, uma de suas paixões.

Então após andar por horas atrás dos tais passarinhos, o menino passou pelas piores atrocidades nas mãos de um assassino frio e calculista que premeditou tudo, achando que ninguém descobriria.

Depois de assassina-ló jogou o corpo debaixo de uma árvore, numa fenda profunda. Foi um acontecimento muito triste e causou uma grande comoção no bairro da “Água Vermelha” eles moravam bem próximo a Capelinha de João de Camargo, e foi o próprio que ajudou a achar.

O assassino era o funcionário da pensão da família que cruelmente assassinou e ajudava a procurar o menino sempre levando os que procuravam para longe do Morro Pelado, mas felizmente João de Camargo com toda a sua luz indicou onde estaria o corpo. Ele foi preso por muitos anos. Ele foi sepultado dia 20 de agosto de 1931, no jazigo 177 da quadra 21 do cemitério da Saudade.

Um dos "pequenos dectetives" que identificou o assassino no menino, morto no "Morro Pelado", Paulo Ferreira Nobre, foi entrevistado por um dos maiores colabores da história de Sorocaba, Adolfo Frioli, no dia 1 de janeiro de 1968, após o almoço com sua família.

Ao mudar-se de Sorocaba, vinha como era o hábito e costume dos velhos Sorocabanos, passar o final de ano com a Família e ir de "encontro" com a Aparecidinha na primeira manhã do ano.

Na conversa, ele contou-nos detalhes daquele dia fatídico, quando pegavam lenha, viram o assassino passar com o menino e quando o corpo foi encontrado, ele e seu irmão - João - contaram para o pai, que por sua vez contou para a Polícia e a partir daí, passaram a "rodar junto com os secretas" pela cidade e ao passarem em frente a pensão do avô do pequeno Zezinho, reconheceram o assassino e os "secretas" prenderam o suspeito, que na Delegacia confessou o crime.

Paulo Ferreira Nobre e seu irmão foram as testemunhas que levou o "secreta" ao autor do homicídio do "Morro Pelado", onde hoje está o conjunto do Sesc.

Foto de Adolfo Frioli em 1 de janeiro de 1968 e matéria na "Folha Popular", também de minha autoria, na edição especial de 15 de agosto de 1968.

Com a abertura da rua, a tradição mudou à esquina acima e para a construção do Sesc, mudou-se à avenida de cima, enchendo-se de cruzes, até que com a diminuição desse espaço, tudo, segundo Frioli "soro Acabou".
Morte do mártir José Santo Rei

Relacionamentos
-
Pessoas (1)
Adolfo Frioli
38 registros
-
Cidades (1)
Sorocaba/SP
11000 registros
-
Temas (2)
Água Vermelha
8 registros
Assassinatos
312 registros


Você sabia?Brasilbook.com.br
27 de fevereiro de 1895 (Há 129 anos)
..........

Em 1895 fenômenos singulares cercavam uma criança em Sorocaba. Estando o Sr. Francisco a lavar pratos na cozinha, eles começaram a saltar e logo após foram seguidos pelas colheres, garfos e facas, bem como pelos tições de fogo, que a deixarão completamente apavorada. Em seguida, sentiu a menina que alguém a beliscava no rosto, tentou fugir, mas não pode, porque se achou presa por uma força desconhecida que a levou a uma altura de três metros acima do solo, deixando-a pendurada em uma viga que atravessava a cozinha. Aos gritos de socorro, foi acudida pela vizinhança e os sr.s Xisto Brisola e João Mendes precisaram subir em uma mesa para tirá-la da viga. 8400§
erro




Frases
Brasilbook.com.br
..........

Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino. Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido. Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três; mas o maior destes é o Amor.

Primeira Epístola de Paulo aos Coríntios
14/05/2024

erro




Procurar



Hoje na História


Brasilbook.com.br
Desde 27/08/2017
28375 registros (15,54% da meta)
2243 personagens
1070 temas
640 cidades

Agradecemos as duvidas, criticas e sugestoes
Contato: (15) 99706.2000 Sorocaba/SP