lucia\\windows-pd-0001.fs.locaweb.com.br\WNFS-0002\brasilbook3\Dados\stats\reports\17839-c.txt1966O dia em que o São Bento encarou o Brasil de Pelé e Guarrincha
\\windows-pd-0001.fs.locaweb.com.br\WNFS-0002\brasilbook3\Dados\stats\reports\17839-c2.txt

196319641965 196719681969
Biografias  Cidades/Imagens  Eventos  “Memórias”




O dia em que o São Bento encarou o Brasil de Pelé e Guarrincha
Quinta-feira, 26 de Maio de 1966
Fonte: Leonardo Zamignani (07/02/2015)

Quem tem mais de 60 anos, vive na cidade de Sorocaba desde que nasceu e gosta de futebol, com certeza se recorda com um certo saudosismo e muito orgulho de um tempo em que o mais tradicional time de futebol da cidade, o EC São Bento, figurava entre os grandes clubes do futebol paulista, e porque não nacional também.

Um fato que comprova essa grandeza do ¨azulão¨de Sorocaba é um jogo ocorrido no ano de 1966, mais especificamente no dia 26 de maio, e contra a seleção brasileira, de Pelé, Garrincha e companhia, até então a atual campeã do mundo.

Nos dias de hoje ao ver a expressão que o São Bento tem no cenário do futebol brasileiro fica até difícil acreditar que um dia o time sorocabano pôde ser um bom teste para a seleção, na preparação para uma copa do mundo.

Mas na ocasião foi exatamente isso que aconteceu, devido ao seu bom desempenho no campeonato paulista, que vinha sendo frequente desde o campeonato de 63, e com o titulo de um torneio organizado pela Federação Paulista de Futebol em 1966, sem a presença dos chamados clubes grandes, o São Bento foi convidado para um amistoso contra a seleção nacional, que fazia sua preparação para a copa do mundo do mesmo ano, na cidade de Serra Negra no interior Paulista.

Então chega o grande dia de um jogo que até hoje pode ser considerado um dos mais (senão o mais) importante da centenária história do EC São Bento.

O Estadio Municipal de Serra Negra ( hoje Estadio Municipal Antonio Barbosa Pinto da Fonseca), estava lotado com incríveis dois mil pagantes, lotação máxima do estadio na época.

Todos ansiosos para ver as estrelas da seleção, que entrou em campo com uniforme todo azul, obrigando assim o visitante sorocabano a usar camiseta branca.

Estavam em campo todas estrelas da seleção, escalados pelo técnico Vicente Feola, a escalação completa foi Gilmar, Carlos Alberto, Brito (Bellini), Leõnidas (Dias), Rildo, Denilson (Dino Sani) Gerson, Garrincha, Servílio, Pelé e Amarildo.

O adversário, que fazia o jogo mais importante de sua história, mas que para o publico presente no estadio de Serra Negra, era um mero detalhe que em nada atrapalharia o brilho dos ídolos Pelé e Garrincha.

O São Bento estava com força máxima também, mas já sem a sua grande estrela da época, Paraná que havia transferido-se para o São Paulo FC, e que estava no banco de reservas da seleção Brasileira naquele dia.

O técnico Wilson Francisco Alves, o Capão, colocou em campo Walter Gonzales (Mariano), Fernando (Valdir Caruso), Marinho Peres, Gibe, Salvador, Gonçalves (Nei Silva), Bazaninho, Copeu (carlinho Costa), Almir (João Carlos) Picolé, Afonsinho.

O primeiro tempo foi muito equilibrado, com o rápido ataque são bentista dando muito trabalho e canseira a dupla de zagueiros da seleção Brito e Leônidas, fato que obrigou o treinador do Brasil Vicente Feola a trocar a dupla por Bellini, o experiente zagueiro capitão na conquista do primeiro mundial do Brasil em 1958, e o pelo versátil Dias.

E reza a lenda que Feola havia pedido para o treinador do time sorocabano retirar o meia Copeu, para dar sossego ao lateral da seleção Rildo. O primeiro tempo terminou 2 a 1, para o selecionado nacional.

No segundo tempo o técnico Capao, modificou muito o São Bento, colocando vários jogadores ainda muito jovens e sem experiencia para um jogo daquele porte, ai o Brasil deitou e rolou, principalmente Gerson.

O jogo terminou com o placar de 7 a 1 para a seleção brasileira, com gols de Servílio, Pelé, Dias, Gerson, Dino Sani, Amarildo e Gibe (contra) para o Brasil, e o único gol do São Bento foi marcado por Picolé.

Local: Estádio Municipal de Serra Negra
Árbitro: Aurélio Hohu (Liga de Serra Negra)
Renda: Cr$ 7.990.000,00
Público pagante: aproximadamente 2000 pessoas
Esporte Clube São Bento
Pelé
Futebol em Sorocaba
Futebol


Seleção brasileira
Acervo/fonte: Secretaria de esportes da cidade de Serra Negra
Data: 26/6/1966
Serra Negra/SP em 1966
E.C. São Bento 1 x 7 Seleção brasileira

GALERIAS
Relacionadas

Futebol
Atualizado: 02/03/2021 16:26:05
175 imagens    Comentários    Matérias  |  Registros



E.C. São Bento
Acervo/fonte: Secretaria de esportes da cidade de Serra Negra
Data: 1966
Sorocaba/SP em 1966

GALERIAS
Relacionadas

Futebol em Sorocaba
Atualizado: 15/02/2021 00:59:39
161 imagens    Comentários    Matérias  |  Registros
Esporte Clube São Bento
Atualizado: 08/03/2021 06:07:15
33 imagens    Comentários  |  Registros
Futebol
Atualizado: 02/03/2021 16:26:05
174 imagens    Comentários    Matérias  |  Registros


Barretos/SP
1 evento(s)


Brasília/DF
4 evento(s) | 1 imagens


Campinas/SP
3 evento(s)


Campos dos Goytacazes/RJ
1 evento(s)


Itajubá/MG
1 evento(s)


Itu/SP
1 evento(s) | 1 imagens


Niterói/RJ
2 evento(s) | 1 imagens


Pelo Mundo
4 evento(s) | 1 imagens


Porto Velho/RO
1 evento(s)


Recife/PE
1 evento(s)


São Bernardo do Campo/SP
1 evento(s)


São Paulo/SP
5 evento(s)


Serra Negra/SP
2 evento(s) | 1 imagens


Sorocaba/SP
64 evento(s) | 47 imagens


Votorantim/SP
2 evento(s) | 2 imagens

Histografia de Serra Negra/SP
Serra Negra/SP em 1966Retrospectiva 1966
Serra Negra/SP em 1966
Eventos | Imagens

Compilado por entusiastas amadores da história do Brasil.
Agradecemos as dúvidas, críticas e sugestões.


Maio


26/05São Bento 1 x 7 Seleção Brasileira
Temas relacionados
Esporte Clube São Bento



Novas imagensExibir por anoGalerias de imagensArtigos MatériasTemas
Hoje na HistóriaProcurar no siteCidadesReceber atualizaçõesBiografias por categoria
Página no FacebookAutores Biografias<


BRASILBOOK - http://www.brasilbook.com.br
Agradecemos as duvidas, criticas e sugestoes
Compilado por Adriano Cesar Koboyama
Colaboradores:
Simone Garcia
João Libero
Amora G. Mendes, Matheus Carmine